Resimix, cobogós diferenciados.

Quando pesquisamos cobogós, somos literalmente bombardeados por imagens de uma série de modelos, formas, cores, texturas e acabamentos. Mas nem sempre conseguimos encontrar para vender esta totalidade de opções.

Na nossa última visita numa loja de revestimentos parceira aqui em Porto Alegre, a Criativa Concept (no FaceBook Criativa Concept), registramos a qualidade das peças da Resimix. Tinham amostras na loja e pudemos verificar a uniformidade do material e o acabamento, principalmente por se tratar de amostras com muito manuseio. Uma marca catarinense de revestimentos cimentícios, com um design bastante agradável aos olhos, com boas opções de acabamento. E que tem vários modelos interessantes de cobogós.

As peças de cobogós são vendidas unitariamente. Em média cada uma custa R$ 19,90 – claro que há variações dependendo do tamanho e desenho. Mas comparando com outros tipos de peças não é um investimento elevado pelo ganho estético. Hoje em dia, tem peças que chegam a custar fácil mais de R$ 50,00.

Além do custo acessível podemos destacar que não há segredos na sua instalação, embora deva ser feita por profissional que prime por um bom acabamento. Ou seja, na hora de contratar o serviço o desembolso também não será tão elevado.

Agora, um diferencial super interessante que descobrimos é que eles podem executar um projeto sob medida (Projeto Personalizado). Algo que já existe com ladrilhos hidráulicos (que adoramos) e que permite criar uma identidade bem diferenciada para aquele cliente que quer algo só seu. Fora que dá espaço pro arquiteto criar desenhos exclusivos para seus projetos.

O desenho sob medida de que estamos falando é o cobogó que foi instalado no Aeroporto Internacional de Guarulhos. E as fotos que seguem foram cedidas pela própria Resimix (o que agradecemos bastante).

O modelo em questão foi executado em branco. Assim como ele, a empresa conta ainda com outros modelos que podem fazer bonito nos projetos por aí. Mas é importante aqui lembrar o que falamos no outro post sobre Cobogós, a questão do efeito que este tipo de peça cria nos ambientes onde é instalado, questões de ventilação e iluminação. Tanto as fachadas podem ter um ritmo diferenciado quanto o interior que fica com um efeito meio que mutante, mudando de acordo com a hora do dia ou mesmo com a época do ano. Fica a dica de quem quer experimentar algo diferente sem gastar necessariamente um valor alto.

Equipe Capsula.