Pintura Tinta Esmalte, para metais, duas demãos, cor a definir, com aplicação de 1 demãos de fundo anticorrosivo.

Pintura Tinta Esmalte, para metais, duas demãos, cor a definir, com aplicação de 1 demãos de fundo anticorrosivo.

Localização: Projeto deve indicar o local onde está sendo utilizado o produto especificado.

a) Especificação dos materiais:

  • Fundo Anticorrosivo, tipo Zarcão, Suvinil ou equivalente técnico, 1 demão.
  • Tinta esmalte sintético acetinado, cor a definir conforme projeto, Suvinil ou equivalente, sem benzeno, 2 demãos.

Especificação Genérica dos materiais:

Todos os materiais deverão ser recebidos em seus recipientes originais, contendo as indicações do fabricante, identificação da tinta, numeração da fórmula, e deverão estar com seus rótulos intactos.

A área para o armazenamento das tintas deverá ser ventilada e vedada para garantir um bom desempenho dos materiais, bem como prevenir incêndios ou explosões provocadas por armazenagem inadequada. Esta área será mantida limpa, sem resíduos sólidos, os quais serão removidos ao término de cada dia de trabalho.

De modo geral, os materiais básicos que poderão ser utilizados nos serviços de pintura são:

  • Corantes, naturais ou superficiais;
  • Dissolventes;
  • Diluentes, para dar fluidez;
  • Aderentes, propriedades de aglomerantes e veículos dos corantes;
  • Cargas, para dar corpo e aumentar o peso;
  • Plastificante, para dar elasticidade;
  • Secante, com o objetivo de endurecer e secar a tinta.

b) Execução / Controle

Execução / Controle – Geral:

Para a execução de qualquer tipo de pintura, deverão ser observadas as seguintes diretrizes gerais:

  • De acordo com a classificação das superfícies, estas serão limpas, escovadas e raspadas de modo a remover sujeiras, poeiras e outras substâncias estranhas e estarem livres de partículas soltas, ou quaisquer resíduos. As superfícies deverão estar perfeitamente secas, sem gordura, lixadas e seladas para receber o acabamento;
  • Cada superfície deverá ser devidamente preparada de acordo com o tipo de substrato e o sistema de pintura ao qual será submetida;
  • Em todas as superfícies emboçadas, deverão ser verificadas eventuais trincas ou outras imperfeições visíveis, aplicando-se enchimento de massa, conforme o caso, e lixando-se levemente as áreas que não se encontrem bem niveladas e aprumadas;
  • As juntas estruturais de construção ou de dilatação, existentes ou definidas no Projeto de Estrutura de Concreto, deverão ser rigorosamente obedecidas na execução dos sistemas de pintura;
  • As superfícies a pintar serão protegidas quando perfeitamente secas e lixadas;
  • Cada demão de tinta somente será aplicada quando a precedente estiver perfeitamente seca, devendo-se observar um intervalo de 24 horas entre demãos sucessivas;
  • Igual cuidado deverá ser tomado entre demãos de tinta e de massa plástica, observando um intervalo mínimo de 48 horas após cada demão de massa;
  • Deverão ser adotadas precauções especiais, a fim de se evitar respingos de tinta em superfícies não destinadas à pintura, como vidros, ferragens de esquadrias e outras.

Recomendam-se as seguintes cautelas para proteção de superfícies e peças:

  • Isolamento com tiras de papel, pano ou outros materiais;
  • Separação com tapumes de madeira, chapas de fibras de madeira comprimidas ou outros materiais;
  • Remoção de salpicos, enquanto a tinta estiver fresca, empregando-se um removedor adequado, sempre que necessário.

Antes do início de qualquer trabalho de pintura, preparar uma amostra de cores com as dimensões mínimas de 0,50 x 1,00 m, no próprio local a que se destina, para aprovação da Fiscalização. Deverão ser usadas as tintas já preparadas em fábricas, não sendo permitidas composições, salvo se especificadas pelo projeto ou pela Fiscalização.

As tintas aplicadas serão diluídas, conforme orientação do fabricante, e aplicadas na proporção recomendada. As camadas serão uniformes, sem escorrimentos, falhas ou marcas de pincéis.

Os recipientes utilizados no armazenamento, mistura e aplicação das tintas deverão estar limpos e livres de quaisquer materiais estranhos ou resíduos.

Todas as tintas serão rigorosamente misturadas dentro das latas e, periodicamente, mexidas com uma espátula limpa, antes e durante a aplicação, a fim de se obter uma mistura densa e uniforme, e de se evitar a sedimentação dos pigmentos e componentes mais densos.

Para pinturas internas de recintos fechados serão usadas máscaras, salvo se forem empregados materiais não tóxicos. Além disso, deverá haver ventilação forçada no recinto.

Os trabalhos de pintura em locais desabrigados serão suspensos em tempos de chuva ou de excessiva umidade.

Metais:

Eliminar qualquer espécie de brilho, usando lixa 150 a 220;

Partes soltas ou mal aderidas devem ser eliminadas, raspando, ou escovando a superfície;

Manchas de gordura ou graxa devem ser eliminadas com solução de água e

detergente; enxaguar e aguardar a secagem;

Partes mofadas devem ser eliminadas, lavando a superfície com água sanitária. Em seguida, passar um pano úmido e aguardar a secagem;

Ferro novo sem indício de ferrugem: utilizar lixa 150 a 220 e eliminar o pó. Aplicar uma demão de fundo óxido de ferro. Aguardar a secagem e novamente utilizar lixa 360/400; eliminar o pó;

Ferro com ferrugem: eliminar totalmente a ferrugem utilizando lixa 80 a 150 e/ou escova de aço. Aplicar uma demão de Zarcão. Após a secagem, lixar 360/400 e eliminar o pó;

Ferro repintura: utilizar lixa 360/400 a superfície e eliminar o pó. Tratar os pontos de ferrugem como descrito acima;

Procedimentos:

Aplicar uma demão de Fundo anticorrosivo, diluído em até 15% com Aguarrás;

Aplicar duas demãos de Esmalte Sintético diluído em até 15% de aguarrás, na primeira demão, e 10% nas demais, com o auxílio de rolo de espuma.

Para uso com pistola, diluír em 20% de aguarrás.

Recortes devem ser feitos com o uso de pincel

Locais de aplicação: conforme demarcado nas plantas baixas e plantas de detalhamentos específicos.

Após a lixação, a superfície deve estar limpa para a aplicação do Fundo Anticorrosivo. Embora o tempo de secagem ao toque seja de 4 horas, deverá se aguardar 24 horas para a aplicação do Esmalte.

A aplicação do esmalte deve respeitar o tempo de secagem entre as demãos. O tempo mínimo é de 5 horas, exceto quando o fabricante apresentar especificação diversa.

Deverão ser seguidas demais recomendações do fabricante.

c) Recebimento:

Todas as etapas do processo executivo deverão ser inspecionadas pela Fiscalização, de conformidade com as indicações de projeto, bem como com as diretrizes gerais destas especificações técnicas.

d) Medição e Pagamento:

O preço deverá compreender todas as despesas decorrentes do fornecimento dos materiais, ferramentas, equipamentos e mão-de-obra necessários à execução da pintura, incluindo preparo, aplicação da tinta nas demãos necessárias, proteções, limpeza, andaimes e demais serviços complementares.

A medição será efetuada por m² (metro quadrado) efetivamente executado, apurando-se a área conforme as dimensões indicadas no projeto, e descontando-se apenas áreas de vazios ou interferências que excederem a 2,00 m².